Arte e Communidade - 1Portuguese artists will find much to interest them in an ambitious new book edited by Hugo Cruz and just published by the Fundação Calouste Gulbenkian. Arte e Comunidade. Hugo is a theatre maker, artist and director of Pele, Espaço de Contacto Social e Cultural and one of the Portuguese organisations I’m beginning to discover.

The book includes contributions from Portugal, Brazil, Argentina, the Netherlands and Palestine. It is illustrated and designed to a very high standard Unfortunately for me, only the chapter abstracts are in English but they are interesting enough to make me hope the book will be translated and reach another readership. In the meantime, Portuguese speakers can read on.

Here is a brief introduction to the book, which you can read more about on the Foundation’s website:

Teatro nas favelas do Rio de Janeiro, ou nos territórios ocupados da Palestina onde o processo de fazer teatro é encarado como um ato de resistência cultural, mas também os trabalhos da coreógrafa Madalena Victorino ou o realizado pela PELE (estrutura artística do Porto criada em 2007) em contextos específicos, como o prisional, ou os bairros sociais do Porto e um grupo de teatro com participantes surdos, são alguns dos projetos focados neste livro. Nele também se apresenta um capítulo dedicado ao Teatro do Oprimido e uma abordagem aprofundada sobre a experiência da Orquestra Geração em Portugal, baseada no método El Sistema de Simón Bolívar da Venezuela e que perspetiva a música como meio de capacitação intelectual e social das crianças.